O que é o Alerta de Chargebacks Reapresentáveis?

O Alerta de Chargebacks Reapresentáveis é um aviso que enviamos comunicando quais dentre os chargebacks que sua loja recebeu nos últimos dias são reapresentáveis, ou seja, é possível tentar reaver o valor da venda contestada.

Essa verificação do que é reapresentável é feita automaticamente, analisando a semelhança entre o nome informado pelo comprador e o nome real do portador do cartão.

Para reapresentá-los é necessário que você nos envie alguns documentos para análise, que comprovem que o lojista não deve assumir esses chargebacks, estes serão enviados à adquirente e posteriormente ao banco - que é quem de fato toma a decisão sobre quem deve ficar com o valor.

Dependendo do motivo alegado pelo portador do cartão ao solicitar o chargeback, alguns documentos se mostram mais eficientes do que outros:

Tipo

O que ocorreu

Quais documentos enviar?

Desacordo comercial

O produto/serviço entregue não condiz com o especificado no momento da compra. O cliente entra em contato direto com a operadora de cartão e cancela a compra.

Devemos provar que toda sua parte do acordo comercial foi cumprida. Por exemplo: rastreio da entrega (em casos de produtos físicos), aviso de recebimento, utilização do serviço (em casos de digital goods), conversa com o cliente, etc.

Auto-fraude

Quando o cliente e o portador do cartão são a mesma pessoa, e por motivos de confusão ou má fé, solicitam o cancelamento da transação diretamente na operadora de cartão.

Devemos mostrar que o cliente e o portador do cartão são a mesma pessoa. Por exemplo: tela da venda (plataforma da loja), tela da transação (dashboard Pagar.me).

Fraude amigável

Quando o cliente e o portador do cartão têm algum grau de relacionamento, como parentes ou amigos, e por motivos de confusão ou má fé, solicitam o cancelamento da transação diretamente na operadora de cartão.

Devemos mostrar a relação entre o cliente e o portador do cartão. Por exemplo: banco de dados cadastrais (como Serasa e Procoob), redes sociais, relações de sobrenome, etc.

Fraude deliberada

Casos onde o cartão do portador foi roubado, ou os dados foram copiados, e este foi usado para fraudar lojas virtuais.

Este chargeback não é reapresentável.

Tem mais dúvidas? Envie uma solicitação

0 Comentários

Por favor, entre para comentar.
Powered by Zendesk