Reapresentação de chargeback: a forma mais segura de tentar reaver seu dinheiro

Reapresentação é o nome dado a defesa da contestação de uma compra, que acontece quando o lojista recebe um chargeback indevido e que pode ser revertido. Por exemplo, se você conseguir provar que entregou um produto que o cliente alega não ter recebido, é possível enviar esses documentos para a bandeira e o banco, que fazem então a análise e aceitam a reapresentação ou não.

Com o Pagar.me, você recebe um alerta para cada chargeback recebido e pode analisar quais deles deseja reapresentar. Se você julgar que uma alegação de desacordo comercial não está correta, por exemplo, pode enviar os documentos necessários para que nós possamos entrar em contato com a adquirente, bandeira e banco.

Nos alertas que enviamos por e-mail, indicamos qual foi o motivo do chargeback, para que você saiba quais documentos é preciso nos mandar se quiser seguir com o processo de reapresentação. Para saber mais sobre isso, veja esta tabela que indica todas as razões possíveis e como proceder em cada caso.  

 

Atenção!

Quando a sua reapresentação é enviada para a análise, o Pagar.me credita o dinheiro daquela transação na sua conta, mesmo antes de receber o resultado dessa disputa. No entanto, se a contestação não for aceita pelo banco e pela bandeira, o valor é então descontado novamente.

Esse fluxo acontece para que, nos casos positivos, você não tenha que esperar todo o processo para receber o seu dinheiro de volta, já que todo o ciclo de reapresentação de um chargeback pode demorar de 45 a 120 dias.

Nos alertas que são enviados por e-mail, uma contestação que não foi aceita (e, portanto, será descontada novamente da sua conta) é indicada como "Chargeback de 2º ciclo".

 

Como enviar os documentos para abrir uma reapresentação de chargeback: 

1- No e-mail enviado com o alerta de chargeback, veja os IDs das transações retornadas e o motivo (reason code) alegado em cada caso;

2- Com o número do motivo em mãos, acesse essa tabela e veja quais documentos você precisa enviar para abrir a reapresentação de cada chargeback;

3- Separe os documentos obedecendo os padrões: as imagens devem estar em JPG ou PDF e cada arquivo não pode ultrapassar 1.9 MB de tamanho. Além disso, todos os documentos devem estar na mesma orientação (todos na horizontal ou todos na vertical);

4- Depois de separar tudo para ser enviado, responda ao e-mail de alerta e anexe os documentos para cada transação. Se o alerta indicar mais do que um chargeback, é necessário colocar o ID da transação correspondente no nome de cada arquivo;

5- Envie o e-mail e espere a confirmação, que é enviada para indicar se a reapresentação foi aberta.

Tem mais dúvidas? Envie uma solicitação

0 Comentários

Por favor, entre para comentar.
Powered by Zendesk